quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Livro do mês (Dezembro 2012)

Quarto volume de As Crônicas de Gelo e Fogo /o/

Na minha opinião esse é o livro mais incompreendido da série u_u' Muita gente fala que detesta ele, mas não sei se realmente detestam ou se estão apenas seguindo a opinião alheia... É fato que é o livro menos querido da série de acordo com a opinião geral, mas eu não entendo por que! Eu gostei bastante dele, achei interessante contarem um pouco da história de personagens que não tinham tido um pov (point of view) até então, como a Cersei e o Sam.

Acredito que parte da antipatia que as pessoas nutrem por O Festim dos Corvos seja porque ele é, de fato, mais paradão, e depois da correria de A Tormenta de Espadas deve realmente parecer muito monótono. Contudo, não vejo motivos para odiá-lo. Ele está longe de ser meu menos favorito da série.

Também fica bem interessante ler A Dança dos Dragões depois (ou intercalado!) porque são fatos simultâneos acontecendo no mesmo lugar e você fica pensando "aaah, era aí que fulano estava quando se perguntavam...". Tem até um mesmo capítulo contado do ponto de vista do Sam e depois do ponto de vista do Jon, muito legal! :D Mas falarei sobre A Dança dos Dragões no próximo post de livros :3

domingo, 24 de fevereiro de 2013

Semana 23 - Coisas que me incomodam no mundo contemporâneo


Eu também, Balin... Eu também...

1 - Sou foda! digdim digmdim digmdim (só que não)
Eu odeio a mania que muita gente tem de querer ser foda. Essa gente gosta de ficar tirando os outros, dando foras e sendo grosseira sem motivo algum simplesmente pra parecer ter uma personalidade forte. Cara, ter personalidade forte não é ser escroto com todo mundo, sabia? :D Realmente me irrita isso, todo mundo quer ser foda e ninguém mais quer ser legal. E ainda tem gente que ainda usa como desculpa falar que "bonzinho só se fode". Amigo, gente trouxa e metida a espertinha eventualmente se fode, mas gente "boazinha" pode até não se dar bem sempre, mas as coisas acabam dando certo porque elas merecem :) Você podem até achar que estão arrasando e sendo os fodões, mas todo mundo sabe que na verdade são só babacas querendo chamar a atenção e dando vergonha alheia.

2 - Padrões de beleza
Eu não tenho nada contra quem se encaixa nesses padrões, mas nem todo mundo quer ser loira de cabelo alisado, bronzeada e gostosona ou magérrima (o primeiro para agradar os homens e a segunda pra ser "invejada" pelas mulheres) e acho absurdo o tanto de pressão que existe para que todo mundo se encaixe nisso, e como a mídia dá constantemente a entender que você será mais feliz se ceder e se encaixar (se você acha que não tem nada disso acho que você está se fazendo de cego e surdo, bom pra você). Acho que é possível encontrar beleza em todos os biotipos e não há nenhuma necessidade de desmerecer um ou outro (como por exemplo as pessoas que vão defender as gordinhas e precisam desdenhar das magrinhas falando que "quem gosta de osso é cachorro" :T).

3 - Machismo
Acho que isso é chutar cachorro morto, mas né... mesmo depois de tantos séculos certas coisas melhoram, sim (um pouco), mas não acabam. Pra não me alongar muito no assunto digo apenas que não tem nada de legal em ser discriminado ou limitado pelo seu gênero, seja ele qual for. É péssimo para as mulheres, mas não é nenhuma maravilha para os homens também.

4 - Encurtamento da infância
Eu entendo a pressa que as crianças tem em crescer, de verdade, porque eu já fui criança e queria muito ser adulta para poder entender certas coisas e não precisar obedecer os mais velhos (em coisas tipo ter hora certa pra comer :B), mas até aí tudo bem. Citando C.S. Lewis: "É natural que as coisas novas queiram crescer". Mas eu acho realmente preocupante que as crianças sejam incentivadas pelos pais e pela mídia a crescer tão rápido, e que seja considerado normal namorar aos 10 anos, se preocupar tão cedo com dietas e maquiagem, querer começar a beber e a fazer sexo tão cedo. O pior de tudo é que isso pode até fazer com que eles abandonem a infância, mas não faz com que amadureçam de fato.

5 - Excesso de competitividade
Acho que um pouco de competitividade é desejável e saudável se nos motiva a nos tornamos pessoas melhores, mas viver com o objetivo de ser apenas melhor do que os outros deve ser exaustivo e frustrante. Parece que realmente existem pessoas que vivem com o objetivo de serem mais bonitas, populares ou bem sucedidas que outras pessoas conhecidas ou não, não sei se alguém consegue ser realmente feliz assim...

sábado, 23 de fevereiro de 2013

Melhores lugares para usar lolita

Para mim os melhores lugares para se usar lolita são casa de chá cafés com decoração antiga ou romântica :3 São lugares confortáveis, com bons cenários para fotos, propícios para conversar e comer com as amigas (é, comer é importante).

Adicionaria ainda que precisam ter um ambiente acolhedor, com funcionários educados que não vão ficar fazendo perguntas rudes ou tratando a gente estranho por causa das nossas roupas, e que os frequentadores também tivessem esse tipo de educação (em um utopia, todo mundo teria esse tipo de educação, mas né...).

Não gosto de usar lolita em lugares sujos (e quem gosta?) ou onde não consiga me movimentar direito (por causa das anáguas).



Esse post foi sugerido por Hoshi.

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Meus 5 tumblrs favoritos

Recentemente comecei a mexer mais no meu tumblr, e por isso comecei a procurar alguns mais interessantes para seguir. Esses são os meus favoritos até agora.



Hard truths from soft cats

"Verdades duras de gatos macios" é um tumblr meio depressivo, mas entra nos meus favoritos. É bom ter alguma coisa chamando a gente pra realidade de vez em quando, e é mais fácil de aceitar se vier de gatos macios.




Fuck yeah subversive kawaii

Esse tumblr é um ótimo exemplo de que pra ser feminista não precisamos abrir mão das coisas fofas (inclusive usei algumas imagens desse tumblr para ilustrar esse post). Acho muito legal que também postam coisas anti-body shaming, dando exemplos de meninas negras e gordinhas também :3




Harry Potter House Quotes

Frases e citações que se encaixam no perfil de cada Casa :D Eu já enchi várias páginas da minha agenda desse ano com citações sonserinas! ♥




F Yeah Nerdy Lolitas

Esse tumblr é muuuito legal para lolitas com gostos nerds. Muitas postam fotos usando lolitas em convenções e eventos, mas o mais legal pra mim são os outfits temáticos (sejam eles apenas projetos ou fotos deles prontos), especialmente os de Harry Potter, O Senhor dos Anéis e Pokémon ♥




Cinnamon Series

Esses desenhos são muito fofinhos, gente *-* Tem gatos, uma ruiva e uma menina com chapéu de morango hohoho ♥ Não tem como eu não amar!


Vocês tem algum tumblr favorito? Aceito indicações! ^^v

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Pergunte a Ichigo


Como vocês talvez tenham visto aqui resolvi pegar algumas perguntas mais específicas que recebo pra responder algumas em um post só (sozinhas dariam posts muito curtinhos hehe :~) Então vamos lá /o/


Oi ichigo-hime(nao sei como qr q seja chamada ç.ç)
anyways
meu nome é jana(ina xD)
E gostaria que vc respondesse minha pergunta ^^se puder claro :3 (nao precisa ser detalhada a nao ser que queira,e eu agradeço nesse caso =D)

A um tempo atrás(anos xD) procurando sobre classical lolita vi algumas fotos de homens vestindo um roupa no estilo classico (nao tinha laços,mas bastante babados na roupa)
e gostaria de saber se homens tambem podem ser adeptos a moda ''lolita'' ou algo aproximado >.<

e tambem gostaria de um incentivo para começar a ultilizar lolita pois nao tenho muito dinheiro ,e aqui na minha cidade é meio complicado começar qualquer coisa(seguidores de modinha como restart e justin bieber),como nao sei costurar (mas quero muito aprender *-*) o jeito seria pedir a uma costureira,mas aqui na cidade a unica q deveria saber parou de costurar,queria alguma dica para me ajudar a seguir em frente ,ou explicar paras as costureiraa como fazer x.x
seria de muita ajuda se vc me respondesse :3 (e adoro seu blog *-*)
brigada =D

- Janaina

Oi, Janaina!
Bom, em primeiro lugar agradeço por acompanhar o blog! E Ichigo Hime está de bom tamanho xD
Quanto à primeira pergunta, sim, homens também podem ser adeptos de lolita! Eles são conhecidos como brolitas ou b-lolitas. Para os meninos que não desejam fazer crossdress também há estilos masculinos como ouji e aristocrat, sendo o ouji um estilo mais infantil. É comum que meninas usem os estilos masculinos também, até mais do que os meninos.



Exemplos de ouji


Mana de aristocrat

Sobre começar com lolita gastando pouco... é meio complicado porque por mais que a gente economize pra começar sempre precisa de algum investimento porque alguns itens básicos (como sapato e bolsa) são meio caros, mesmo que seja Body Line, e não tem como ficar sem.

Acho meio difícil achar costureiras assim que saibam fazer roupa lolita, é mais confiável encomendar com as lojinhas brasileiras mesmo. Se não tiver jeito e sua única opção for confiar no taco da costureira leve muitas fotos de referência e esteja sempre checando a confecção das peças para ir corrigindo se necessário (não adianta você deixar o tecido e quando volta pra buscar é algo totalmente diferente do que você esperava x_x)

Recomendo dar uma olhada nesse post sobre compras para lolitas iniciantes. Além das dicas para fazer suas compras sem erro tem uma listinha do básico pra começar em lolita, links para outros posts relevantes e links pra listas de lojas brasileiras e internacionais.

Espero ter ajudado ♥





Ichigo, gostaria que me ajudasse a tirar uma dúvida que eu tenho: os sapatos (e roupas) da BODYLINE, BABY e outras brands, são confortáveis? (É que eu sou muito chata pra calçados e roupas em geral e não gostaria de fazer uma compra frustrada, entende?). Obrigada.

- Larissa


Não posso falar sobre as brands, mas tem um review da minha última compra na BodyLine aqui onde falo sobre o último par de sapatos que comprei na BL (e uma saia).
Acho que as roupas e sapatos só não vão ser confortáveis se você não comprar certo, então é sempre bom saber suas medidas e tamnhos japoneses equivalentes (no caso dos sapatos). Creio que dependendo de conforto não tem porque suas compras serem frustradas.





ichigo eu gostaria de ser lolita mais eu tenho que sempre estar com roupas cheias de babados ou pode ser um vestido normal com sapatilhas e diadema com flores?

- pink


Lolita possui uma silhueta específica e certas características das quais vocês não pode fugir, senão deixa de ser lolita (como por exemplo o comprimento e formato da saia, não deixar muita pele exposta, usar materiais de qualidade). Um vestido com diadema pode ser lolita se o vestido for lolita e mantiver o formato correto (com o uso da anágua), mas sapatilhas em geral não sao bem vistas em lolita por serem casuais demais (mas você pode usar sapatos sem salto, como esses).

As roupas também não precisam ser necessariamente cheias de babados. Há vários detalhes que tornam uma roupa lolita além dos babados e diversos subestilos, dos mais discretos aos mais elaborados, é só escolher o que se encaixa melhor no seu gosto, opções é o que não faltam.


quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Meu primeiro meeting


Group shoot

Esse na verdade foi meu segundo meeting... o primeiro foi em junho de 2007, no Parque do Ibirapuera (estava chovendo e escureceu cedo, ficamos confinados 8D), mas não tenho nenhuma foto desse dia >:

Esse meeting da foto foi no Parque da Luz, em agosto de 2007. Não fui de lolita nele porque não queria repetir a roupa que usei umas semanas antes, mas foi besteira, devia ter ido :~ Meh, não adianta lamentar coisas que aconteceran há mais de 5 anos atrás.


Akei, Lua e eu

Esses dias mesmo eu estava vendo o álbum de fotos desse dia. Tanta gente que eu nunca mais vi e não tenho ideia de como está ou o que está fazendo hoje em dia... acho isso um pouco triste :/ Em compensação tem gente que continua na minha vida até hoje e sou muito grata por isso! *-* Bons tempos, bons tempos...

Post sugerido por Amy Martins e Petra Leão.

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Ingredientes que eu comprei nos últimos dias

Primeiro post do Desafio Gourmet, finalmente :D

Ingredientes comprados semana passada: farinha, açucar e ovos (que tinha uma dúzia, mas não tirei foto de tudo junto :B). Usei hoje pra fazer bolo de cenoura e cookies de chocolate :3

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Semana 22 - Na minha geladeira, tem que ter

1 - Leite e derivados
Leite é muito importante pra mim como ingrediente para bolos, tortas e afins, mas gosto bastante de um copo gelado no meio da tarde ou pro Sucrilhos.
Também adoro (e sempre tem que ter) iogurte, manteiga, requeijão e queijos.


2 - Ovos
Eu amo ovo frito, ovos mexidos e omelete, mas assim como leite também uso muito em receitas como bolos, biscoitos, pães, cupcakes, etc.


3 - Legumes e verduras
Uma refeição nunca está completa sem alguma verdura ou legume. Eu prefiro refogados ou cozidos no vapor a saladas cruas. Meus favoritos são berinjela, brócolis, couve-flor, pimentão e tomate, por isso são os mais comuns de ter em casa (além de abobrinha e cenoura).


4 - Frutas
A verdade é que eu não como tanta fruta como eu deveria, mas fico tão feliz quando abro a geladeira e tem abacaxi fatiado e geladinho (ou melão ou melancia) *-*


5 - Chá de camomila
Eu adoro tomar chá de camomila, mas não gosto tanto gelado. Esse que eu deixo na geladeira são para fazer compressas. Desde que eu vi esse post da Doce Madrepérola sobre essa solução simples para olheiras e olhos cansados tenho usado sempre que acho necessário. Costumo deixar em uma garrafinha plástica pequena porque um saquinho rende pelo menos 200ml. A garrafa fica fechada e despejo um pouco do chá sobre discos de algodão (sem deixar jamais encostar no gargalo, porque qualquer restinho de algodão pode criar fungos dentro do chá, ew!).

domingo, 17 de fevereiro de 2013

[Pergunte a Ichigo] Princesa: ser ou não ser?


fuck yeah subversive kawaii

Ichigo, eu vi esse texto no blog da Lola falando sobre uma escola de princesas. No texto ela fala sobre essa questão de chamar as garotas de princesas, etiqueta, de querer se comparar a monarquia europeia e etc. O que você acha sobre isso? Já que a maioria das lolitas se inspira no vitoriano e rococó, inclusive no lifestyle, muitas são graciosas, gostam de seguir alguns princípios de etiqueta e comportamento, usam disso na decoração e no dia-a-dia e se denominam princesas como você. Eu acho tudo isso lindo, mas o texto mostra uma visão que meio que rebaixa as garotas que escolhem esse modo de vida, mesmo que não sejam lolitas.

- Jacqueline


Oi, Jacqueline! Muito obrigada pelo seu e-mail! Esse é um assunto que eu acho muito interessante. Já havia lido esse post da Lola (gosto bastante do blog dela!) e já li muitos outros que falam sobre as princesas de um ponto de vista feminista, a maioria de forma negativa, salvando-se apenas as princesas mais recentes como Mulan, Tiana, Rapunzel e Merida. É bem verdade que as princesas mais antigas representam um ideal feminino passivo e anti-feminista, onde as mulheres são frágeis e indefesas, e além de dependerem do príncipe para serem salvas as outras mulheres da história são sempre inimigas ou rivais, por isso eu não tenho como discordar desses artigos, mas também não posso achar que as princesas sejam de todo ruim. Muita gente sabe que eu gosto de princesas, mas talvez nem tantas pessoas saibam que eu sou uma feminista, e acho que uma coisa não anula outra.

Eu não acho que princesas sejam uma influência negativa, mas com certeza acho preocupante que sejam o único referencial de identidade de gênero das meninas, especialmente meninas muito jovens, que precisam tanto de exemplos e modelos. Há alguns dias atrás vi uma matéria chamada Princesas da Disney moldam feminilidade em crianças sobre uma pesquisa feita aqui mesmo no Brasil, que mostra bem como as princesas ainda influenciam as meninas e sobre a percepção do que é ser uma princesa. Além do típico padrão de beleza e comportamento, que eu já esperava, fiquei um pouco espantada pelas meninas reconhecerem como princesas apenas aquelas que se casam (!), citando um trecho da matéria: "indagada sobre o porquê Mulan não seria uma princesa, uma das crianças respondeu: 'Tia, para ser princesa precisa casar, né? Senão não vai ser princesa, vai ser solteira!'". Eu fiquei surpresa com isso porque, embora seja óbvio que associem princesas com a espera pelo príncipe encantado, não esperava que as crianças achassem que uma princesa só é uma princesa depois de atingir o objetivo do casamento. Acho que isso também reflete um pouco do que ainda é esperado de uma "mulher de verdade". Segundo a antropóloga que realizou a pesquisa: "As princesas da Disney carregam consigo um conteúdo que acaba funcionando como uma restrição a ideia do que é ser humano, enquanto mulher. É necessário garantir que a formação das crianças tenha também outros tipos de referenciais. A diversidade existe, e as crianças devem saber que não há apenas uma maneira de serem felizes, bonitas e aceitas." Acho que é exatamente esse o ponto: as crianças não podem ter apenas um único referencial e se prender tanto a apenas um padrão tido como sendo o ideal.

Eu fico um pouco chateada quando atacam tão ferozmente as Princesas Disney porque, poxa, eu cresci vendo filmes das Princesas e nem de longe acho que virei uma aspirante a dona de casa passiva cujo único desejo é encontrar o príncipe encantado para casar e ser a mãe dos filhos dele. Acontece que eu cresci assistindo as Princesas e brincando de bonecas e panelinhas, mas também jogando Mortal Kombat, lendo enciclopédias tão logo aprendi a ler, idolatrando A Família Addams e a Elvira e assistindo Power Rangers, Beakman e Pokémon religiosamente junto com o meu irmão. Eu tenho um irmão e primos com idades próximas a minha, então sempre foi comum brincarmos todos juntos, sem restrições rígidas de papéis e gêneros, o que acho que contribuiu bastante pra eu me sentir livre da obrigação de corresponder a um único padrão. Se eu tivesse crescido cercada apenas de rosa e com pais que insistem em me lembrar constantemente de que eu sou uma menina e deveria apenas gostar de "coisas de menina" eu poderia ter crescido para ser uma pessoa diferente do que eu sou hoje.



"Não deixe que ninguém faça você se sentir mal por ser quem você é."
fuck yeah subversive kawaii

Sobre a moça que escreveu o post "rebaixar as pessoas que escolhem esse modo de vida", eu não vejo dessa forma. Acredito e até entendo que algumas pessoas podem considerar ofensivo, mas pra mim é a mesma coisa quando as feministas parecem desdenhar de donas de casa passivas e tal. Não é que desprezemos donas de casa, de maneira alguma, apenas repudiamos a ideia de que seja a única opção aceitável para uma mulher ser considerada "adequada" como, acredite, muita gente ainda pensa hoje em dia, assim como alguns assumem que toda mulher deve querer casar e ter filhos, e se você pensa diferente... oras, você é muito nova e ainda vai mudar de ideia (só que não). Então, resumindo, não acho que o que critiquem seja a escolha das pessoas (até porque o direito de escolha é algo maravilhoso!). Se uma mulher escolhe cuidar da casa ao invés de ter uma carreira, good for her, o problema é se isso for uma imposição, se ela for forçada pela família a largar o emprego ou algo assim (eu considero isso bizarro mas, de novo, acontece), assim como não é um problema gostar de se arrumar de determinada maneira e se comportar de acordo com etiquetas, mas sim precisar se arrumar e se comportar de tal modo mesmo contra sua vontade apenas para ser aceita e se encaixar num ideal que não te agrada nem te faz feliz. Eu sou muito feliz vivendo como eu vivo e acredito que ninguém teria qualquer objeção a isso (ou pelo menos não deveria ter), afinal foi uma escolha minha e não estou prejudicando ninguém :)

Sobre essa escola de princesas, acho ruim se for algo imposto pelos pais como pode parecer matricular as filhas numa escola para aprenderem como se arrumar e se comportar, mas também acho que se for do desejo da criança frequentar uma escola assim elas devem ser apoiadas, com o cuidado de sempre manter aberto um leque de opções onde a criança também possa observar outros modelos positivos. Isso me lembra um pouco os concursos de Pequenas Misses dos Estados Unidos (alguém já viu o programa? Passa no Discovery Home & Health). Vendo alguns episódios é possível perceber que algumas meninas realmente gostam dos concursos, do cabelo e da maquiagem, das roupas super produzidas e de fazerem suas apresentações no palco, mas outras tantas são visivelmente pressionadas pelas mães e aparecem chorando, não conseguem se mover no palco, brigam e tentam se livrar dos vestidos e coroas. Eu não acho errado uma menina querer ser princesa, mas acho errado fazer com que ela pense que é errado não ser uma.

Algumas pessoas acham meio estranho moças crescidas terem tanto apreço por princesas e até certo ponto eu entendo a preocupação, de verdade, mas acho que isso acontece porque não entendem nossas motivações. Eu diria que o conceito que leva crianças e lolitas (a maioria próxima dos 20 anos) a se auto-denominarem princesas são um tanto diferentes. Ainda há a preocupação com o modo de agir, mas mais do que ter etiqueta, ser uma princesa pra mim é ser uma boa pessoa, e tratar as pessoas com gentileza. Acho que isso é perceptível em The Princess Code e 5 maneiras de se sentir como uma princesa todo dia. Há o ideal de beleza, mas, ao invés de um único padrão, acredito que as princesas próximas dos 20 anos já tem consciência de que beleza não é um biotipo específico, existe beleza em negras, brancas, asiáticas, magras, gordas, baixas e altas. O artigo Em defesa das princesas resume bem o que significa "ser uma princesa" para mim. Um dos meus trechos favoritos desse artigo é o seguinte: "A palavra princesa se tornou sinônimo de heroína. E é isso que eu acredito que lolita faz pelas garotas: elas descobrem, ou talvez decidem, que elas serão as heroínas de suas próprias histórias."



fuck yeah subversive kawaii

Não tem nada de errado em aspirar por uma vida melhor, não tem nada de errado em gostar de rosa, coroas e unicórnios e se imaginar de vez em quando num lugar diferente, mais mágico e mais agradável, mas por mais que eu considere saudável um pouco de escapismo, também acho que fugir constantemente da realidade não pode ser uma coisa boa. Por mais difícil que seja temos que nos conformar a acordar cedo, trabalhar, estudar, usar transporte público e pagar as contas, mas eu não acredito sinceramente que o fato de gostar de princesas impeça qualquer uma dessas coisas de serem feitas. Ninguém está esperando um príncipe chegue numa carruagem para não termos que pegar o metrô nem nada disso. Da mesma forma, não vejo nada de errado em uma garota que não gosta de rosa, maquiagem e salto alto, ou que prefere robôs a princesas. Nós só queremos um mundo com um pouquinho mais de cor, não só rosa, mas verde, roxo, vermelho, laranja, azul, amarelo, porque nem tudo no mundo precisa ser preto ou branco.


Peço desculpas se me empolguei demais ou fugi do assunto, mas espero ter respondido de forma satisfatória. Gostaria muito de ouvir suas opiniões sobre o assunto, então por favor me contem nos comentários :)

sábado, 16 de fevereiro de 2013

Livro do mês (Novembro 2012)

Em novembro também não consegui cumprir minha meta de leitura, mas também não estava exigindo tanto de mim mesma por causa do fim de semestre na faculdade. Além do mais, esse livro sozinho tem quase 900 páginas D:



Você sabe que está lendo um livro realmente muito bom quando tem que parar de vez em quando apenas para dizer...

Agora reparem no título do livro do desenho. Viram? Pois é, isso é o quão bom esse livro é.

A Tormenta de Espadas é o terceiro livro da série As Crônicas de Gelo e Fogo, de George R. R. Martin. Todo mundo que eu conheço que já leu os livros fala que esse é o melhor e eu só posso concordar, é um fan favorite com todos os méritos. Apesar do tamanho acho que é um dos mais rápidos pra ler porque tudo acontece muito rapidamente, é muita coisa acontecendo, é muita gente morrendo (!), acho que as únicas partes que achei meio chatinhas foram as do Bran mesmo, tadinho.

De novo, é muito difícil falar desses livros sem dar spoiler, tudo o que eu posso falar é que é muita informação, adorei como abordaram a história sob o ponto de vista de mais personagens (e em mais lugares também) e, no final das contas, nem parece que são quase 900 páginas.

Como a 3ª temporada da série só sai em 31 de março (todos arrancando os cabelos esperando) não dá pra traçar um parâmetro de comparação, só posso dizer que o comecinho do terceiro livro é mostrado no finzinho da 2ª temporada.

Finalmente terminei de ler A dança dos dragões e agora ficarei com um buraco no coração até 2014, quando está previsto para ser publicado Os Ventos do Inverno.

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Happy Valentine's Day!

Acho que já virou tradição do blog ter post sobre o Valentine's Day xD Pode passar em branco Natal, Páscoa, o que for... mas Valentine's Day não! (acho a data de 14 de fevereiro mais significativa do que o Dia dos Namorados brasileiro, como podem ver aqui)

Eu só queria dizer que espero que vocês tenham tido um ótimo dia e que tenham conseguido comemorar com as pessoas que são especiais para vocês :) Se não foi possível, que reconheçam como o tempo que passam juntos é importante e valioso.


Feliz Valentine's Day em especial para o meu namorado, meu melhor amigo, meu sol e estrelas que bem sabe como eu queria estar com ele hoje e em todos os dias da minha vida i.i

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Semana 21 - Meus piores defeitos


...or am I? :3

1 - Desorganização
Eu juro que eu tento, mas pra mim é muito difícil manter tudo em ordem e bem arrumado. Meu quarto tende ao caos, especialmente a minha escrivaninha. Eu posso arrumar tudo em um dia, mas não dura nem uma semana. Minha mãe fica louca com isso, ainda mais quando eu uso o quartinho de costura e deixo tudo fora do lugar (e não adianta eu falar pra ela sobre os estudos que eu li sobre a falta de organização estar relacionada à criatividade).

2 - Falta de foco
Por mais tempo que eu tenha pra fazer alguma coisa eu dificilmente consigo terminar sem ser em cima da hora, em parte porque pra mim é impossível me concentrar em uma única tarefa e estou sempre fazendo várias coisas ao mesmo tempo. Por um lado pode até ser bom ser multi-tarefas, por outro é realmente complicado quando se tem prazos.

3 - Control freak
Com algumas coisas eu sou bastante relaxada, mas tem outras com as quais sou extremamente preocupada e fico ridiculamente frustrada se elas saem do controle. Fazer planos deveria me ajudar a manter a disciplina, mas só me deixa paranoica.

4 - Fresca
Eu realmente não acho que seja frescura, mas já me disseram isso tantas vezes que talvez seja verdade. Bem, prefiro pensar que sou criteriosa. É verdade que sou bem chatinha com algumas coisas, especialmente roupa e comida. É muito fácil achar defeito nas coisas e é muito difícil relevar. Um exemplo é eu ver uma roupa linda na arara da loja, mas quando olho mais de perto vejo que o acabamento não é tão bom e passo a achar uma porcaria :/ Tem muitas coisas que eu não como também, mas eu cozinho, então eu me viro.

5 - Teimosa
Eu tenho algumas ideais e convicções que não pretendo mudar, e às vezes é difícil ouvir pessoas com opiniões contrárias porque eu fico com a impressão de que elas estão querendo me fazer mudar de ideia, mas acho que na maioria das vezes elas só querem expor seu ponto de vista mesmo. Tenho que melhorar nesse aspecto e ser mais receptiva, não gosto de parecer cabeça fechada ou demasiadamente agressiva.

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Ideias de presentes para lolitas

Valentine's Day chegando e eu pensando em presentear algumas amigas queridas (nem que seja só com cartões e chocolates). Aparentemente é cada vez maior o número de brasileiros e brasileiras que resolvem comemorar o Dia dos Namorados em 14 de fevereiro seguindo o costume de presentear não só o namorado ou namorada como também os amigos mais próximos. Aqui algumas dicas para quem quer ir além do chocolate :3

♥ Bichinhos de pelúcia (Charmy Kitty, Hello Kitty e etc)
♥ Bonequinha com um vestido vitoriano
♥ Vela/vela de gel decorada ou feita em casa
♥ Sabonetinhos com formatos ou feitos em casa
♥ Perfumes: de preferência sólidos ou aqueles perfuminhos roll-on, com aroma de flores
♥ Gloss com tonalidade de rosa a avermelhado, com gosto ou perfumados pra combinar
♥ Broches vintage
♥ Anéis fofos
♥ Pulseira: Normais ou com enfeitinhos
♥ Um colar bonitinho
♥ Esmalte na cor favorita da pessoa, de preferência usável em lolita
♥ Uma caixinha com unhas postiças
♥ Uma caixinha com coisas pra decorar as unhas postiças
♥ Uma bolsinha com doces feitos em casa
♥ Livros lolitáveis como Alice no país das maravilhas, Emily Post’s Etiquette, Lolita N.T.: (não recomendo muito, btw).
♥ Mangás relacionados com lolita; Paradise Kiss, Miyuki-chan in Wonderland, Doll, Dolls, etc.
♥ Uma caixinha com chás sortidos
♥ Um jogo de chá em miniatura
♥ Um pequeno buquê de flores falsas
♥ Um caderninho branco (agendinhas fofas também)
♥ Um livrinho de receitas
♥ Um espelhinho decorado pra levar na bolsa
♥ Balinhas
♥ Um lenço
♥ Luvas: de renda ou normais
♥ Presilhas ou acessórios de cabelo
♥ CD com música relacionada a lolita, tanto clássica quanto j-rock e new age
♥ Um álbum de fotos bem feminino
♥ Um diário com aparência bem antiga, uma caneta de pena e tinta
♥ Artigos de papelaria como lápis, papéis, envelopes e talvez selos
♥ Óleos de banho, sais, uma garrafinha de espuma pro banho
♥ Uma toalhinha bordada/com rendas
♥ Rendas e laços, ela pode usar pra algo
♥ Espelho antigo e enfeitado, escovas e pentes
♥ Se você quiser dar algo de brand, não tem erro, compre os acessórios de cabelo da BTSSB como lacinhos, meias fofas ou até uma bolsinha de maquiagem pra colocar coisinhas pequenas (tudo abaixo de US$30). A Metamorphose também tem muitos acessórios de cabelo abaixo de US$30, incluindo alice bows e até mesmo parasóis relativamente baratos se eles não forem muito grandes para uma cesta de presentes.

Créditos:
Texto original:
Lolita Handbook
Tradução: Yuuko
Revisão: Valentine

Postado originalmente no Queen Victoria's Dolls.

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Pergunte à Ichigo: O Retorno!

Faz muito tempo que não faço posts para essa seção, acho que muita gente nem deve lembrar/saber que ela existe ;-; Vocês podem ver aqui o post inaugural. Eu o editei ele hoje.

Tinha um formulário para enviar as perguntas direto pro meu e-mail, mas achei melhor retirar pelo seguinte motivo: a maioria das pessoas não preenchia o campo de e-mail, aí eu não tinha como responder. Claro, a ideia é fazer posts no blog respondendo, mas eu acho que tem perguntas muito específicas que não precisam de um post para serem respondidas, e tem outras que posso responder com apenas um link de um post já publicado. Sem o endereço de e-mail da pessoa não dava pra fazer isso, então eu acabava ficando sem responder e sem saber como contatar a pessoa, o que me deixava com um grande sentimento de culpa.

Então, o que farei? Realmente não rola fazer um post pra cada pergunta que pode ser respondida em poucas linhas... mas dá pra responder de 3 a 5 de uma vez, e é o que farei de agora em diante. Tentarei fazer isso uma vez por semana.

E é claro, podem continuar mandar perguntas por e-mail ou pelo ask.fm

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Desafio Gourmet de 10 dias

Peguei esse desafio no blog InKawaii. Como vocês devem saber, eu gosto muito de cozinhar, então acho que vai ser bem divertido de fazer :D

1 - Ingredientes que eu comprei nos últimos dias
2 - Uma foto e a receita do prato feito no dia
3 - O que não gosto em fazer comida
4 - Próximos pratos que eu pretendo fazer/aprender
5 - Uma foto e a receita do prato feito no dia
6 - Pratos que gosto de fazer
7 - Por que eu gosto de cozinhar
8 - Temperos que mais uso
9 - Sugestão de receitas fáceis
10 - Comidas preferidas

Eu acho que já estou fazendo desafios demais (esse é o terceiro), mas achei tão amorzinho que não pude evitar xD Convido quem quiser a fazer também! Espero que gostem :)

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Que partes de mim se encaixam no clichê de lolita

Adoro Shimotsuma Monogatari (Kamikaze Girls)
Eu demorei muito pra assistir, confesso (assisti pela primeira vez em 2009) e, poxa vida! Deviam ter me avisado de como eu precisava ver esse filme i.i Não é apenas um filme "lolita", é também muito divertido e engraçado. Já perdi a conta de quantas vezes recomendei mas, sério, assistam.

Sou viciada em chá
Não sou nenhuma entendida no assunto, mas sempre gostei de chá e atualmente tenho mantido o hábito de tomar pelo menos duas canecas por dia (preferencialmente chá verde ou branco).
O vício em chá foi um dos agravantes do meu vício por canecas, e estou eternamente a procura do jogo de chá dos meus sonhos (que não tenha o preço dos meus pesadelos, o que torna tudo muito mais complicado).
Naturalmente, também sou apreciadora de acompanhamentos para o chá 8D Todo tipo de biscoitos, bolos, cupcakes, muffins e tortas é sempre bem vindo! ♥

Gosto de costurar e bordar
Costurar é muitas vezes trabalhoso e frustrante quando algo precisa ser refeito (odeio descosturar, odeio!), mas é muito gratificante ver o resultado pronto de tanto trabalho.
Ainda não aprendi bordado livre nem ponto cheio, o que é uma pena, mas me divirto com meu ponto cruz. Apesar de ser bastante simples se comparado a outros tipos de bordado acho muito relaxante e fico muito feliz de ser tão fácil de achar bons gráficos como morangos e florais bonitos, mas sou especialmente grata à internet pelos motivos nerds de jogos e livros ♥

Gosto de coisas consideradas "de criança"
Talvez não seja tanto um clichê lolita em geral, mas acredito que seja muito comum entre as sweet lolitas. My Little Pony é uma das coisas que atualmente considero importantes, mas nem todo mundo aceita que uma moça com mais de 20 anos tenha tanto apreço por um desenho animado. Sanrio também é importante pra mim, tem sido desde que eu era criança e continuará provavelmente pra sempre, gostem ou não :) Haters gonna hate!

Post sugerido por Nat.

domingo, 3 de fevereiro de 2013

Semana 20 - Fico de mau humor quando...

1 - ...me acordam gritando
Acho que ninguém é capaz de começar o dia bem sendo acordada assim, né? Já é ruim o bastante acordar com despertador, acordar com gente gritando (seja com você ou não) é pior do que qualquer musiquinha irritante.

2 - ...ouvem música sem fone perto de mim
Não me interessa se você está ouvindo funk, sertanejo ou heavy metal, coloque seus malditos fones porque eu não sou obrigada! Eu fico até ofendida quando a pessoa está ouvindo alguma música boa ao invés do tradicional funk ou sertanejo universitário (com variantes dependendo da região do Brasil em que você mora) porque eu sinto que a pessoa está envergonhando a todos que possuem gosto e bom senso se equiparando a funkeiros de ônibus.

3 - ...insistem em discussões sem fundamento
A pessoa já teve todos os seus argumentos (ou tentativas falhas de argumentos) quebrados e refutados, já foi provada errada dezenas de vezes e ainda quer continuar agindo como se fosse dona da razão. Ou então a discussão já morreu e chega um retardatário querendo por lenha na fogueira de novo!

4 - ...tenho que fazer coisas que eu não gosto/não quero
Eu sei que a vida não pode ser sempre um mar de rosa e que algumas vezes acabamos tendo que fazer coisas chatas e outras obrigações que preferíamos não ter. Eu gostaria muito de lidar melhor com esse tipo de coisa. É claro que não vou dar chilique e me recusar (afinal, o que precisa ser feito precisa ser feito), mas realmente não gosto.

5 - ...sinto sono
Ou fome. Ou dor. É um grande desafio não ficar de mau humor quando eu estou com cólicas, com fome ou querendo dormir e não posso. Eu sei que as pessoas não tem culpa disso (bom... às vezes tem), por isso minha tendência é evitá-las quando estou assim (melhor do que descontar em quem não merece, né?).

sábado, 2 de fevereiro de 2013

Que partes de mim não se encaixam no clichê de lolita


Imagem não diretamente relatada, mas... Momoko ♥

Um rápido esclarecimento sobre esse post: clichê não é, de forma alguma, uma regra. Então quando eu digo que não sigo as coisas listadas abaixo não quer dizer que "omg, sou tão revolucionária quebrando as regras!" ou "Sou tão diferente e especial!", NÃO D: Apenas coisas que são comuns entre muitas lolitas, mas com as quais não me identifico. Também acho importante ressaltar que não é porque não gosto/sigo as coisas aqui listadas que desmereço quem discorda do meu ponto de vista. Cada um com sua opinião, sem competir sobre "quem é mais lolita" por causa disso :)

Explicações dadas, vamos ao post!


Não ligo para dolls
Eu até acho bonitas e tal, mas não tenho vontade de ter dal, pullip, BJD nem nada. Talvez se eu tivesse muito dinheiro sobrando, mas (não vou dizer nunca) muito dificilmente ficaria economizando para comprar dolls.

Não uso perucas, circle lenses ou cílios postiços
Não que seja uma regra pra ser lolita, mas tem se tornado cada vez mais comum. Eu até tenho curiosidade de usar circle lenses, mas fico adiando. Acho que tenho cabelo demais pra usar peruca (digam o que quiserem, eu não consigo conceber a ideia de enfiar todo meu cabelo embaixo de uma peruca, acho que é volume demais e vai me deixar cabeçuda) xD Desses itens eu pretendo comprar e aprender a usar cílios postiços, mas por enquanto é só.

Meu reino por uma burando
Alguém discorda que brand é legal? Alguém discorda que possuem prints, materiais e acabamentos que você não acha em qualquer lugar? Ninguém discorda! Eu vejo tanta gente empolgada porque conseguiu seu dream dress, ou torcendo pra ganhar leilão, garimpando a sales e fico realmente feliz por vocês, de verdade :3 Se é algo que vocês gostam tanto tem mais é que correr atrás! Eu mesma tenho alguns dream items, é claro, mas sinceramente tenho outras prioridades no momento. Sim, eu poderia comprar se economizasse e me dedicasse de verdade a encontrá-los, mas com R$300 eu compro um fogão xD Eu realmente preciso direcionar meu dinheiro, e por mais que eu goste de lolita tem coisas que considero mais importantes, e meus dream dresses terão que esperar.

Não ligo para brand x réplica
Algumas lolitas parecem ter uma postura um tanto rígida quanto a isso, mas eu sinceramente não me importo com o que cada um faz ou deixa de fazer com o próprio dinheiro. Francamente também não acho que réplicas prejudiquem as brands porque: 1) A maioria das pessoas que compra brand não vai deixar de comprar brand (mesmo que seja usada) para comprar réplicas, então não é como se estivessem perdendo clientes; 2) Comprar uma brand usada dá tanto dinheiro pra marca quanto uma réplica (ou seja: nenhum), já que quem ganha é a dona anterior, não a brand. Tem outros motivos, mas eu não estou aqui pra debater e acho que cada um sabe o que faz, né? A única coisa que eu acho realmente feio é usar réplica e falar que é original porque sério, todo mundo tá vendo que é réplica, quem você quer enganar? ^^"

São só essas as coisas das quais consigo me lembrar no momento. Tem algum clichê lolita com os quais vocês não se identificam (tipo gostar de doces e chá)? Me contem :)

Post sugerido por Bárbara Freitas via fanpage e Nat.


PS: Feliz Lammas/Lughnasadh! E feliz Candlemas/Imbold pra quem comemora pela roda do Norte :3

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Meme blogueiro

Fui indicada para esse meme pela Laura, do blog I Just Believe.

REGRAS
Um blog faz uma tag com perguntas e tagueia outros 10 blogs. A regra é nomear blogs com o menor número de seguidores para nós criarmos um relacionamento e nos conhecermos.


1 - Como escolheu o nome do seu blog?
Eu me chamo de princesa e adoro morangos, logo meus domínios são um reino, e nada mais apropriado do que morangos, eu acho xD Pode ser coincidência ou não, mas depois de um tempo comecei a reparar na quantidade de blogs que existem com "Reino de *tal coisa*" ou "*tal coisa/fulana* Kingdom".

2 - Quanto tempo se dedica ao blog?
Não entendi se é quanto tempo me dedico ao blog (tipo frequencia) ou quanto tempo. Bem, eu posto quase que diariamente e tenho o blog há três anos e meio. Muitas vezes eu tento deixar posts meio prontos para facilitar durante a semana.

3 - Já teve algum problema com comentários de anônimos no blog? O que?
Nunca tive problemas com anônimos, inclusive tem uma pessoa (não sei quem é ._.) que comenta como anônimo regularmente e nunca me incomodou. Além do mais, se comentários anônimos me incomodassem eu não deixaria a opção de comentar anonimamente.

4 - Pretende mudar algo no blog em 2013?
Gostaria de comprar um domínio .com para ele.

5 - Já ficou sem inspiração para postar? Como superou isso?
Sem inspiração eu não diria, sempre tem algo para ser postado, e sempre me dão sugestões de posts e recebo e-mails com perguntas para serem respondidas aqui. O problema é conseguir atender às solicitações sempre (bem que eu gostaria, viu?). Eu também vivo sendo indicada para memes/tags e selinhos e atualmente estou fazendo dois desafios semanais (um deles lolita), então é realmente difícil não saber o que postar, o maior dilema é escolher o que postar em que dia.

6 - O que gosta de fazer quando não está no computador?
Se eu não estiver no computador provavelmente estarei costurando, lendo ou cozinhando alguma coisa. Ou tomando banho ou dormindo, porque são coisas que precisam ser feitas xD

7 - Quantos livros lê por mês?
A minha meta é de 3 livros por mês, mas desde outubro só tenho conseguido ler 1, todos de As Crônicas de Gelo e Fogo (estou terminando A Dança dos Dragões agora), mas teve meses em que eu consegui ler mais de 10.

8 - Quantos blogs visita por dia?
Não tenho um número pra isso, varia bastante, mas creio que no mínimo 10. Nos dias que pego pra retribuir os comentários visito bem mais.

9 - Qual blog visita todos os dias?
Não tem nenhum que seja minha leitura diária, mas os que eu leio sempre que vejo que tem atualização são Le Café, Água Marinha e Dela Rosa.

10 - Quanto tempo está na blogosfera?
Meu primeiro blog eu fiz quando tinha 11 ou 12 anos, uma coisa lamentável com padrão do Weblogger (nem colocar um layout de template shop eu sabia), mas o primeiro que eu levei mais a sério comecei com uns 13 anos e mantive até os 15. No blog seguinte eu já fazia meus próprios layouts e me divertia com isso, mas ele acabou por causa das mudanças no servidor. O último que tive antes do Reino de Morango foi o "Gigai", onde eu já fazia uns layouts um pouco melhores (tinha até uma sessão de Goodies! xD) e ganhei alguns concursos e awards, era bem divertido :) Resumindo, são mais de 10 anos criando blogs.

11 - Você se inspira em outro blog? Qual?
Esses que eu citei na questão 9 :D A Rika é uma grande inspiração pra mim dentro e fora do estilo lolita, sempre tem posts bem escritos e com a opinião dela, que pra mim é tão importante. A Nereida tem um senso estético impecável e uma alma gentil que transparece em cada detalhe do blog e eu admiro a maneira de escrever e tirar as próprias fotos para ilustrar os posts, sempre um deleite para os olhos. A Helô sempre tem os posts mais divertidos, dá pra passar horas no blog dela (e eu aaamo as indicações de restaurantes e os posts de compras i.i)

Meus 10 blogs indicados são:
The Overthere Peaches
Pote de Estrelas
Roriita Child
Books and Donuts
Nightfall's Blog
Amai Roriita
Suit Kingdom
Midori Sakura
InKawaii
The Place

Vi que alguns blogs que eu ia indicar já foram indicados, então desculpe se eu repeti algum na minha lista ^^' Espero que gostem de responder o meme/tag!