quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Livros do mês - Julho 2013

No mês de julho fiquei abaixo da meta, mas vou relevar por que, por conta do Harajuku Fashion Party, eu estava às voltas com um monte de coisas. Por sinal, estou apenas um mês atrasada pra fazer o post sobre o evento, mas ele virá.



Destino - Crônica de Mortes Anunciadas,
Alisa Kwitney, Kent Williams, Michael Zulli, Scott Hampton, Rebecca Guay

Comprei esse livro porque eu amo Sandman e gosto do Destino (mas meu Perpétuo favorito é a Morte, e acredito que seja da maioria G_G), mas o título de "Crônica de Mortes Anunciadas" foi o que chamou mais a minha atenção.
Ao contrário do que pensei, esse livro não tem envolvimento do Neil Gaiman na produção, e isso acabou sendo um pouco decepcionante (não que seja ruim, a decepção foi antes de começar a ler, quando vi que o Neil não estava ali. Sim, foi burrice da minha parte não checar antes).
A narrativa passa por três períodos da História (inclusive o mundo contemporâneo) em que a Peste atingiu a humanidade. Assim como os Perpétuos, a Peste também tem sua personificação antropomórfica e dá pra ver que ele realmente não gosta de ser o que é.
A história é legal, mas vai criando muita expectativa e quando acaba você fica esperando que ela continue, mas infelizmente não só porque ela é uma boa história, mas porque não parece ter sido bem concluída, o que achei uma pena -_-'



Buick 8 - Stephen King

Esse é outro daqueles livros do Stephen King que a narrativa fica indo e voltando, alternando entre presente e passado. Honestamente isso começou a me encher um pouco o saco. Obviamente não se trata do estilo de escrita ser ruim (por favor, Stepehen King), é só que eu preciso variar mesmo.
É a história de um carro antigo (que dá nome ao livro) que chegou ao Regimento D da polícia da Pensilvânia em circunstâncias misteriosas. Desde então é mantido num galpão onde provoca fenômenos sobrenaturais, além de se recuperar sozinho de qualquer avaria e repelir a sujeira. As histórias são contadas pelos membros do regimento a Ned, filho do policial morto em serviço Curtis, que tinha singular interesse pelo Buick 8.

Nenhum comentário:

Postar um comentário