segunda-feira, 2 de julho de 2012

Livros do mês - Junho



Não deu pra fazer o post no final de semana praticamente só dormir >: Desculpem as fotos não estarem muito boas, parece que fez um reflexo do inferno lençol vermelho '-'

A lista do mês é bem curta, e acabou que eu nem gostei tanto de uns livros aí :~

♥ Maria Antonieta - Antonia Fraser
♥ Amoras, cerejas, morangos e... sapatos vermelhos - Vera Fornaciari
♥ As melhores histórias da mitologia celta - A. S. Franchini
♥ Querido e devotado Dexter - Jeff Lindsay



Demorei muuito pra ler esse livro, em parte porque estava em época de provas e entrega de trabalhos, em parte porque o começo dele (que fala da infância de Maria Antonieta) é bem chatinho e não me animou a acelerar na leitura.
As melhores partes começam quando a popularidade da rainha começa a cair. A partir da partida de Versalhes é que as coisas ficam realmente interessantes, e os últimos dias da Torre para a prisão são de cortar o coração.
Da maneira como a autora descreve, Maria Antonieta foi claramente uma heroína injustiçada, vítima das conseqüências e de uma época para a qual não estava preparada. Apesar disso não é como se ela fosse perfeita (a própria autora mostra vários erros cometidos por ela no epílogo), mas para mim é perceptível que seu maior problema foi querer agradar a todos.



Comprei esse livro só pelo nome! xD Não sei como foi que eu descobri a existência deles, devia estar procurando coisas de morangos por aí.
É um livro de crônicas e poesias, falando de fases da vida da mulher e de Minas Gerais (a autora se formou lá). Algumas crônicas são de grande sensibilidade, muito amorzinho mesmo. A única que eu não gostei foi "Protesto feminino", que acabou sendo a história mais comprida do livro --' Sei lá, pode ter gente que gosta, mas a feminista em mim quis vomitar com algumas passagens (sabe aquele tipo de piadinha onde a moral da história é que mulher é louca e complicada, precisa de dicionários babacas pra ser entendida, que muita mulher repassa achando engraçado, mas que na verdade estão ajudando a perpetuar um estereótipo babaca, fútil e superficial? Então. Desculpa, mas eu não acho graça nessas coisas, não).
Não é bem o tipo de livro que eu costumo gostar ou que a leitura me prende, foi um erro comprar porque tinha um título com o qual me identifiquei, uma pena.



Esse livro traz uma coletânea de histórias da Irlanda e do País de Gales. Fui advertida pelo meu irmão (o livro é dele) que embora o livro seja muito interessante, também é muito mal escrito. Realmente, a escrita deixa a desejar, e se eu não tivesse sido avisada teria ficado bastante decepcionada. Comentários dizendo que o Conan da história não tem nada a ver com aquele interpretado pelo Arnold Schwarzenegger ou dizendo que um personagem é o "Baco celta" e o outro é o "Hércules celta" são totalmente dispensáveis. Se não fosse o teor de algumas histórias eu poderia achar que o livro foi escrito pra crianças, porque realmente a narrativa não é das melhores. Desconsiderando-se isso é uma leitura interessante, sim, mas me tirou a vontade de ler os livros de outras mitologias da coleção (procurarei outras fontes).



O segundo livro da série tem uma história que não aparece no seriado. O serial killer que está sendo procurado é um médico que na verdade não mata, apenas mutila suas vítimas o máximo possível. De novo, é meio complicado falar sobre os livros de Dexter sem dar spoilers, mas vou dar um porque achei muito bom: nesse livro o Dexter começa a perceber que o Cody (filho da Rita) também parece ter um "passageiro das trevas". Aqui a Debra já é sargento e o Doakes tem um fim diferente do seriado.


Por enquanto é isso. Espero que os livros desse mês me façam mais feliz. No momento estou no comecinho de 1984.

11 comentários:

  1. Eu li Maria Antonieta, é muito bom! bjs

    ResponderExcluir
  2. Já li sobre Mitologia Nórdica do mesmo autor desse livro sobre Mitologia Celta. Mas neste que li há outro autor o que talvez tenha melhorado a escrita. Em todo caso, as vezes esses livros pecam por tentar simplificar e deixar as coisas mais didáticas e perde-se a linha.
    Bom o "Amoras, cerejas, morangos e... sapatos vermelhos" me interessou pois não conheço, mas pelo seu comentário não é o tipo de livro que escolheria para ler.
    Destes acho que vou procurar ler (assim que terminar minha monografia) o da Maria Antonieta.

    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, pode ser, ou eu sou implicante mesmo x_x Mas os comentários que ele fazia me deixavam encanada :T

      Excluir
  3. Desde que vi no skoob, fiquei com vontade de ler Maria Antonieta. O "Amoras, cerejas, morangos e... sapatos vermelhos" tmabém me interessou pelo titulo. Provavelmente eu também compraria por impulso. Agora, sobre os livros e o serido do Dexter, já foram me recomendados faz um tempinho, e nem fui atrás ainda xD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maria Antonieta foi meio difícil de achar, tava esgotado em todo lugar. Fiquei tão feliz quando achei (e por um preço mais em conta que o normal) que não podia deixar passar <3

      Dexter é muito bom, vale a pena demais!

      Excluir
  4. Eu adoro o seriado Dexter! Faz tempo que quero ler o livro, mas ainda estou lendo as crônica de gelo e fogo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu estou morrendo pra ler As Crônicas de Gelo e Fogo T^T

      Excluir
  5. Ah, e eu tava tão animada para ler esse livro sobre contos Celtas! que bom que eu li aqui antes como ele é, assim já vou ler preparada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Apesar da escrita acho que fale ler pela informação ^^'

      Excluir
  6. Fiquei com muita vontade de ler da Maria Antonieta. Adoro livros sobre figuras históricas e também biografias.
    Que pena que o livro dos contos celtas não é tão bom ): a capa é tão linda! Isso mostra que não podemos julgar o livro pela capa.

    ResponderExcluir