quinta-feira, 23 de julho de 2009

regras lolita

Regras lolita: sim, elas existem ¬¬'

"Mimimi lolitas elitistas, só porque minha roupa é diferente, só porque eu não tenho brand, só porque eu sou um floco de neve especial mimimi" GTFO MY TEA PARTY, NAO, PLIZ!

As pessoas não te criticam porque você é pobre, feia ou porque elas têm inveja da sua originalidade e da sua coragem de romper com os padrões. Se alguém falou que a sua saia está muito curta, que o tecido é muito brilhante ou que talvez ficasse melhor com tal acessório, não é porque a pessoa te odeia, ok? Provavelmente é porque a pessoa conhece as regras lolita. *som de trovões ao fundo*

É, olha só, lolita tem regras. Eu sei que muita gente odeia isso, que fala que é frescura, elitismo, coisa do demônio (ok, exagerei), ou qualquer coisa assim, mas não é. Essa coisa do comprimento da saia, tecidos, corte e tudo o mais ficou famosa como "regras", mas podem também ser chamadas de características básicas do estilo. Mas tem uma coisa interessante também: eu vejo muita gente falar que não concorda com as regras, ou que tal outfit não está de acordo com as regras, mas muita gente nem sabe o que diabos são as regras, então, de maneira resumida, são essas aqui:

Regras Lolita

1. A saia deve ter formato de sino e o comprimento deve ser por volta da altura do joelho (um pouco mais curta para ero lolita, um pouco mais comprida para classical lolita). O volume também varia de acordo com o subestilo (sweet é o que possui a saia mais 'poof', por exemplo), mas o ideal é que a saia não seja murcha para manter uma silhueta definida do estilo.

2. Uma roupa lolita busca ser modesta (no sentido de recatada) e elegante. Além do mais o estilo lolita foi inspirado nas roupas das meninas da Era Vitoriana, logo "comportado, elegante e infantil" seriam as melhores definições, então nada de abusar de decotes, transparências, tecidos brilhosos, etc. E nem pense em deixar a barriga aparecendo.

3. Preze pela qualidade, sempre. Isso vale tanto para a escolha das peças e materiais (recomenda-se apostar em fibras naturais como algodão e evitar renda de nylon e cetim) quanto para a sua produção. Muitas meninas investem num vestido lindo e põe tudo a perder sendo desleixadas com outros detalhes como cabelo, maquiagem e colocando qualquer sapato (ou pior: tênis). Lolita é elegante, lembrem-se sempre disso.


E é só isso. Viu? Não é um manual gigante devorador de cérebros. Lembrando-se da base do estilo e da inspiração que ele teve não é difícil deduzir o que se encaixa ou não em lolita.

Tem outras coisinhas que alguns consideram obrigatórias, mas vai da opinião de cada um, por exemplo: o uso de camisa por baixo de um jumper. Eu acho recomendável, mas não obrigatório. Acho mais bonito e tal, mas não é crime se a pessoa não usar (naturalmente isso depende também do modelo do jumper). Se for um jumper com as costas fechadinhas, decote alto e alças grossas, qual é o problema? Adaptações são bem aceitas, desde que não fujam das características principais.

Fico impressionada em ver como as pessoas se revoltam quando alguém fala que ela/a roupa dela não é lolita. Não quer dizer que você esteja feia ou que a roupa seja uma droga, quer dizer que não é lolita, entende? Só porque não se encaixa no estilo não quer dizer que esteja ruim. Parece que para algumas pessoas dizer que ela não é lolita é uma ofensa mortal. Maaas há aqueles casos em que a roupa fica bizonha mesmo, fato.

Quando alguém faz uma crítica a alguém as reações não variam muito: ou a pessoa aceita as sugestões, pesquisa mais e vai melhorando ou ela se revolta, ignora, discute com as pessoas que criticaram. As pessoas do segundo caso ou continuam errando (bem no estilo "sou gothic lolita e não me importa se todo mundo diz o contrário") ou abandonam o estilo (que elas nunca chegaram a conhecer de verdade por pura falta de interesse e incapacidade de aceitar críticas).

Lolitas fail têm o apelido de "ita". Existem duas categorias básicas de itas:

Otalolis: Otomes (meninas otaku) que acham a roupa da Sakura, da Misa, da Chii, (insira personagem que usa saia rodada e babados aqui) super kawaii nyaaa~ *.* Atenção: uma roupa super fofa cheia de frufus não é automaticamente lolita. E copiar a roupa de um personagem é cosplay, não lolita.

Lolitas góticas: Fazem o estilo "ninfeta gótica". Costumam usar roupas que lembram as da Misa, maquiagem copiando o Mana, maria-chiquinhas, saias curtas, corpetes (geralmente super decotados) e meias arrastão.

Há quem diga que todo mundo já foi ita um dia. Isso é mentira. Algumas pessoas aprendem com seus erros e outras preferiram pesquisar durante anos até se sentirem bastante confiantes para tentar seu primeiro outfit lolita. As meninas que começaram como itas não são inferiores àquelas que levaram anos até se arriscarem: o que importa é estar disposta a aceitar ajuda quando preciso e não desanimar (nem se revoltar) diante da primeira crítica.


Por enquanto é isso. Depois vou escrever algo sobre a "cena" lolita no Brasil, brand, mitos, etc.

Mais informações sobre o estilo você encontra no Queen Victoria's Dolls, que está um pouco desatualizado, mas continua sendo o site mais completo (em português) sobre lolita.

Espero que tenham gostado :)


20:53

2 comentários:

  1. gosto mt da moda lolita... minha amiga dalila me mostrou o estilo loita e eu apaixonei por ele

    ResponderExcluir
  2. Nossa,amei seu blog e suas dicas,continue assim!

    ResponderExcluir